Guia Comercial Online de Carpina e Região

Vídeo - Caminhão tomba em avenida e atinge meninas que iam pra escola; uma morreu.

Na manhã desta terça-feira (12) um caminhão carregado de bebidas tombou e atingiu três crianças que estavam a caminho da escola na Zona Norte de São Paulo. Uma das vítimas, uma menina de 13 anos, ficou presa debaixo do veículo e morreu. Ela estava esperando para atravessar a avenida e ir à escola.

O acidente aconteceu pouco depois das 7h, próximo à esquina entre as avenidas Raimundo Pereira de Magalhães e Cantidio Sampaio. O caminhão com as bebidas bateu em um carro e tombou em cima da faixa de pedestres. Parte do veículo ficou atravessado sobre a calçada e o carregamento de bebidas se espalhou pela via.

Segundo o Corpo de Bombeiros, três meninas que estavam a pé, a caminho da escola, foram atingidas pelo caminhão desgovernado. Uma delas ficou presa debaixo do caminhão caído e, apesar dos esforços da equipe de resgate, ela não resistiu aos ferimentos.

As outras vítimas, ambas de 14 anos, foram socorridas e levadas ao Hospital Geral de Taipas, que fica a cerca de 1 km do local. Elas sofreram fraturas nas pernas e escoriações pelos corpos, segundo os bombeiros.

O acidente ocorreu em frente à Escola Municipal Professora Eliane Benute Lessa Ayres Gonçalves, mas não se sabe elas estudavam nessa instituição pois próximo do local ainda há outra escola, a General Vicente de Paulo Dale Coutinho, fica a menos de 200 metros de onde as crianças foram atingidas. O tio da adolescente Júlia Maria Firmino, de 13 anos, que morreu no acidente, diz não encontrar “explicação” para o que aconteceu. “Perdeu o controle e mata a minha sobrinha na calçada. Um absurdo. Não te explicação. Não tem curva, não tem nada. E nem é lugar de velocidade porque aqui tem semáforo. Uma coisa que não tem explicação”, lamenta Maurício Donizete Rocha. A polícia ainda investiga o que levou o caminhão da Coca-Cola a perder o controle e tombar sobre três adolescentes que estavam a caminho da escola.

De acordo com o tio de Júlia, a menina tinha ido de carro para a escola nesta terça, mas como é difícil parar nos arredores do colégio, o pai dela a deixou na calçada, do outro lado da rua. O pai teve de voltar ao local pouco depois para reconhecer o corpo da filha e, emocionado, precisou ser amparado por familiares. Veja abaixo o video do momento doacidente.