Seu canal de Notícias de Carpina e Região

Advogado de Botafogo diz que juiza "cometeu erro grosseiro"

O advogado de Botafogo, ex-prefeito da cidade de Carpina, Dr. Márcio Alves, deu uma entrevista numa rádio local falando sobre a situação do político que foi condenado no dia 17 de junho por não ter repassado mais de R$ 422 mil ao PASEP.

Segundo o Dr. Márcio Alves, a decisão foi equivocada e até mesmo o Procurador da Republica, que teria denunciado contra o ex-prefeito, teria pedido a absolvição dele. Manuel Botafogo foi sentenciado pelo Ministério Público Federal a mais de 6 anos de reclusão por não ter repassado a verba do PASEP. Veja mais sobre o caso!

O advogado alega também que quando a juiza Carolina Souza Malta deu a sentença, não tinha mais autoridade para julgá-lo, pois o político já atuava como deputado estadual e só quem poderia juga-lo seria o Tribunal de Justiça. Isso não passa de um "erro grosseiro da juiza", alega o advogado.

Ainda segundo o Dr. Márcio Alves, o político está tranquilo quanto a sentença. Cogitado quanto ao valor do cálculo que deveria ter sido depositado para o PASEP, o advogado disse que houve um erro de cálculo por parte da Receita Federal e que a Prefeitura teria recolhido o valor corretamente.

Veja também: Jovem de 23 anos foi morto na Zona Rural de Condado