Seu canal de Notícias de Carpina e Região

O perigo das "Fake News". Saiba o que é e como identificar.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Quem nunca recebeu em seu celular notícias por meio de fotos, vídeos ou links da internet e se sentiu motivado a enviar para seus contatos achando estar divulgando uma "novidade"?

As vezes você pode se sentir como um repórter, que tem uma notícia exclusiva para dar em primeira mão. Mas, quem tem a tendência de compartilhar tudo o que recebe como notícia, precisa ter cuidado. A internet está cheia de "Fake News".
Fake News é o termo utilizado para Notícias Falsas, e compartilhar tais informações pode ser considerado crime, dependendo do âmbito as quais serão propagadas e suas consequencias.

Segundo a Wikipédia, as Fake News são "uma forma de imprensa que consiste na distribuição deliberada de desinformação ou boatos via jornal impresso, elevisão, rádio, ou internet, com por exemplo nas mídias sociais". Existe até mesmo sites que tem por objetivo divulgar notícias sensacionalistas, exageradas e evidentemente falsas, apenas para chamar a atenção das pessoas.

No entanto, muitas das nótícias falsas aparecem por meio de posts em redes sociais e que são amplamente divulgadas pelos usuários que as recebem. Mas exeste um perigo muito grande nesse tipo de conduta. Para se ter uma ideia de como é perigoso divulgar fake news, podemos nos lembrar do caso da dona de casa Fabiane Maria de Jesus, que foi brutalmente linchada pela população na cidade de Guarujá, litoral de São Paulo, após uma notícia falsa circular na internet. Ela foi agredida a partir de um boato gerado por uma página em uma rede social que afirmava que a dona de casa sequestrava crianças para utilizá-las em rituais de magia negra. Sim, fake news pode ter graves consequências, e quem as compartilha é tão criminoso quanto quem as inventa.

Mas como identificar uma Fake News? Abaixo segue alguma regras que você pode analisar antes de compartilhar alguma informação.

 Mesmo seguindo os passos acima, lembre-se que você é responsável por aquilo que compartilha na internet. Por isso, pense bem antes de sair enviado mensagens. Pergunte-se: "Vale mesmo a pena divulgar essa informação?", "Eu tenho certeza de que essa informação é verdadeira?", "Será que tenho todos os fatos?". Se mesmo após pensar nessas perguntas você ficar na dúvida, é melhor clicar em "Excluir" em vez de "Enviar".

Veja também: Vídeo - Confira a reportagem feita em Carpina com Anderson Gabriel

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Últimos Anúncios